sábado, 13 de dezembro de 2008

Obrigações (3): Consciência

Obriguei-me a por a mão na consciência. Existem duas coisas que eu realmente quero na semana que inicia próximo domingo: ir no CQC e receber uma amiga de longe em casa, sendo que as duas coisas são inversamente proporcionais.

Por quê ? Simplesmente porque, se ela vir eu não vou no CQC, se eu for no CQC, eu seria uma péssima anfitriã.

"Mãe ! Mas CQC é que nem ver Júpiter e Saturno a olho nú ! Uma vez a cada 50 anos !"

"Sinto muito, mas então você só vai daqui 50 anos."

Temos que decidir o que é prioridade. Felipe Andreoli ? Pode esperar (três meses !). Afinal, é necessário por a mão na consciência.

As duas coisas valem a pena. Basta acontecerem em momentos que não sejam inversamente proporcionais.


em 12/12/2008

Um comentário:

Juliana Giacobelli disse...

Desculpa se pareceu que a culpa foi sua no meu texto. Não foi. Você sabe que eu vivo viajando em cima de qualquer coisa, até de um grão de areia se deixar. Algumas coisas tinham a ver com o CQC, algumas eu flisofei... sei lá, lembrei da época das grandes navegações, onde os carinhas iam pro mar e aí deixavam as mulheres chorando no pier (existiam piers naquela época?). Viajei, tão longe quanto eles.
Desculpa se pareceu que foi por sua causa. Foi não. ^^

beijooO! =***